Sociedade Líquido-Moderna

quarta-feira, julho 19, 2017

Busca pelo instantâneo
Predomínio do descartável
Vida superficial
Mundo volátil

Perda da: intimidade
          profundidade
          durabilidade das relações.

Ênfase nos laços temporários

Flexível,
sem molde
se move com facilidade
                        como a água.

Sem conservar sua forma por muito tempo.
Juntos por -apenas- IV anos e VI meses. Pares.

Efemeridade dos relacionamentos humanos.
Supremacia das relações virtuais.
Sem sentido porque ela (já) foi embora.

Porque um objeto deplorável é tão mais importante do que ela se ela se vai e dele restam destroços para humanidade? (10/06)
Deixe a internet de lado e aproveite o tempo com as pessoas e não com as coisas.
Se nem o amor cura o ser

A sociedade atual não tem salvação.
Perda de tempo com o que não se cultiva.
Nenhuma atenção para o que realmente importa: relações reais.

Inutilia truncat.

Redes sociais: oportunidade de mostrar o que não é, mas queria ser.
Wannabe
Resumo da desordem e do  ca os
                                               caôs

Buscas constantes para fugir da “solidão”. {que permanecerá infindável no interior.
Esmaece a oportunidade de viver a reflexão.
Perpétua re- re- re- modelagem da identidade que quer mostrar para sociedade.

A representação é nula e passageira
Irreal.
Forma modelada de como quer ser reparada pela comunidade virtual.

É assim que quer ser visto?
Repito: não há quem salve essas ações.
Ficará gravada na memória e na pele. Para sempre.

Antes? tudo direto, simples, bonito, poético.
Depois: tudo estranho, desandado, sem compasso, sem coesão.

O que era poesia virara prosa.

You Might Also Like

0 comentários