Ampulhetas quebradas por todo canto
Inadequado momento para pensar em boas intenções temporais
Parecia ano novo
Tudo bagunçado com um toque infantil
Para todo nome que foi dito em cada sonho, há vestígio de devaneio
Com um lembrete escrito em negrito: não se esqueça de nós
A viagem continua e o barco não irá parar
Quem sabe alguém traz um sorriso e com a pressão do sol te esmagando
você acaba ficando sentimental
Sorvete todos os dias para o almoço.

Comentários