Escuro.

A energia sumiu. Estamos descendo as escadas. Tenho medo do escuro. Minha visão fica danificada e não consigo saber nem o que está acontecendo a um palmo de meu nariz. Estou tremendo. Torço para você não perceber, mas é tarde demais. Seu braço direito está me envolvendo e meu braço esquerdo te envolve. Ainda não sei onde piso. Sensação horrível de dependência. Não gosto de sentir que sou dependente de tudo, mas sou. dependo da energia, do oxigênio, das estruturas que nos cercam e de você. O que seria de mim sem você? Você ri. Deve estar hilária morrendo de medo desse lugar. Estávamos no décimo andar. Estou tremendo. Paramos. Você me abraça. Fecho os olhos e não vejo diferença nenhuma entre os olhos fechados e os olhos abertos. Quero falar que te amo antes que algo aconteça. Você pega minhas mãos, as beija e me pede em casamento. Ali. No breu. Eu te amo. Somos muito novos, mas não foi isso respondi. Aceito, meu amor! Meus lábios foram atraídos pelos seus. Esqueci que estava escuro. Esqueci que dependia de vários fatores para me sentir segura. Na verdade, tenho o que eu preciso. Tenho um príncipe. Cheio de charme. Entre sorrisos, beijos e abraços conseguimos descer todos os inúmeros degraus. Estou repleta de paz. Sinto que sou uma pomba branca. Sinto que posso voar de tão leve e feliz que estou. Fazia tempo que não me sentia assim. Espero te encontrar amanhã e te olhar com o mesmo olhar de hoje. Olhar de amor. Você já cruzou a cidade com o carro. Está na hora de me deixar em casa. Quase impossível me despedir de um homem tão lindo como você. Digo o quanto você é importante para mim e acho que vou chorar. Sou sensível. O brilho que batia em seus olhos vinha da luz solar, mais cedo, agora me lembro daqueles olhos castanhos e os vejo brilhando para mim. Eu te amo.

Comentários

  1. anw, que crônica linda *-*
    adoro textos românticos e detalhados, curti demais!

    Louca Indecisão

    ResponderExcluir
  2. Belo texto,muito bem escrito?Foi você mesma que escreveu?

    beijos;
    http://www.desconstruindoamelias.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Aline.
      Fui eu mesma quem escreveu c:
      Beijos!

      Excluir

Postar um comentário